Policial Militar de folga prende integrante do Comando Vermelho em Zé Doca-MA

 

 

Por volta das 09:00h do dia (15), o CB Mázero estava à paisana em gozo de suas férias, após pegar um táxi na Av. Major Silva Filho, no centro de Araguanã/MA para deslocar até a cidade de Zé doca/MA, recebeu uma mensagem de mídia/áudio por volta das 09:13h, via aplicativo WhatsApp (grupo da PM do 29°BPM), de um policial da cidade de Santa Luzia do Paruá, informando para que a guarnição de Araguanã montasse uma barreira na BR-316, para tentar deter um foragido da justiça que estava se evadindo da cidade em um táxi em sentido a cidade de São Luís. As informações no áudio descrevia as características físicas do acusado, como sendo loiro e tatuagem na perna. O Cabo Mázero estava fora da cidade cerca de 3km (sentido Zé doca) e percebeu que havia um passageiro do seu lado, e ao olhar para o mesmo, constatou que tratava-se do acusado EDERLAN DA SILVA MARTINS descrito no áudio. O militar esperou o momento oportuno para abordá-lo, imobilizando o Foragido contra a porta do veículo em movimento. O acusado tentou reagir a imobilização, no intuito de cravar uma luta corporal, porém o mesmo recuou, ocasião em que o policial conseguiu efetuar a prisão. Após a prisão do elemento, o PM solicitou que o taxista identificado como OTACIANO MATOS DE ARAÚJO, veículo Classic, cor branco, placa PSE – 7091, retornasse para a cidade de Araguanã até o Destacamento da Polícia Militar no qual pediu a ajuda de dois guardas municipais para que lhe ajudasse a conduzirEDERLAN para dentro do Destacamento.

EDERLAN DA SILVA MARTINS, membro do Comando Vermelho
Depoimento do acusado

Os Guardas Municipais Diniz e Naldo foram até o táxi e lhe deram apoio para retirar o acusado e conduzir até o interior do destacamento, onde o mesmo algemado. Imediatamente o PM entrou em contato com a guarnição de Araguanã, composta pelo Cabo Jesus e o soldado WALLEF que estava realizando barreira policial juntamente com os policiais civis de Santa Luzia do Paruá na BR-316, para comunicar que o Foragido EDERLAN fora preso.

O Foragido fora entregue para os policiais civis estavam com um MANDADO DE PRISÃO Número 00026611-66.2018.8.10.0001, oriundo da Central de Inquéritos de São Luís/MA, em desfavor de EDERLAN SILVA MARTINS, pelo crime de latrocínio, que vitimou o Taxista ELONEIDE FERREIRA DA SILVA, de 44 anos, morto a golpes de facada no pescoço, fato ocorrido na Av. dos Africanos, na cidade de São Luís/MA, em 03/02/2018.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *