Polícia Civil apresenta assaltante de Agência dos Correios

AAAAAAAAAAAAAAA-1180x502

Foi apresentado nas dependências da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), na tarde desta terça-feira (26), Alex Ferraz Costa, de 28 anos.

Na apresentação à imprensa conduzida pelo superintendente da SPCI, Dicival Gonçalves, Toriel Sardinha, delegado titular da 5º regional de Pinheiro, informou que Alex foi preso no último domingo (24), na região da baixada maranhense portando maconha em um veículo modelo Fox vermelho, apreendido durante ação conjunta das Polícias Civil e Militar naquela região.

Ainda segundo Toriel Sardinha, Alex Ferraz é suspeito de arquitetar mais de dez assaltos a Agencias dos Correios no estado. Em decorrência disso, contra ele há um mandado de prisão da justiça federal.

Após os tramites legais, Alex Ferraz Costa foi encaminhado para o sistema penitenciário onde permanecerá custodiado à disposição da justiça.

Fonte: http://www.nilsonfigueiredo.com.br

2 thoughts on “Polícia Civil apresenta assaltante de Agência dos Correios

  1. Essa prisão foi realizada pela Polícia Militar, os policiais militares do Batalhão de Pinheiro que prenderam esse elemento!!!
    A Polícia Civil só recebeu o preso na DP! Não havia um único policial civil nessa ocorrência.
    A Polícia Civil não precisa disso, é só cumprir a sua missão, tem muito bandido pra ser preso na região da baixada.

  2. Grupos de policiais militares enviaram ao blog o total descontentamento com a nomeação do coronel Alves para corregedoria da PMMA e a permanência do tenente-coronel Miguel Neto no Estado Maior. Leiam abaixo:

    O coronel José Frederico Pereira, Comandante Geral da Policia Militar, antes de ser empossado no cargo, procurou pessoalmente vários coronéis e alcançou outros por telefone, pregando a união e trabalho conjunto. Paralelamente abriu um espaço de dialogo com os demais segmentos de praças a coronéis, envolvendo inclusive as suas entidades representativas, com objetivos definidos de somatório de esforços e forças para o fortalecimento da instituição.

    Inesperadamente o coronel Pereira, encontrou uma resistência com a indicação do ex-comandante geral coronel Marco Antônio Alves para a Corregedoria Geral da Policia Militar. Na prática caberá ele ter em mãos todos os inquéritos administrativos instaurados dentro da Policia Militar, inclusive inúmeros deles contra soldados, cabos e sargentos que foram críticos do ex-comandante geral e de outros comandantes de unidades.

    O caso do tenente-coronel Miguel Gomes Neto, ex-comandante do Batalhão de Bacabal, que sacou uma pistola contra um cabo e um advogado dentro da unidade militar será dirigido por ele, que inclusive o nomeou para O Estado Maior da PM.

    O Corregedor Geral da PM era o coronel Heron, que passou para o CIOPS e com a vacância, o governador Flavio Dino nomeou o coronel Alves, que foi exonerado do Comando Geral por inúmeras deficiências e ao guindá-lo a outro importante cargo estratégico dentro da corporação acabou prejudicando as ações que estão sendo desenvolvidas pelo coronel José Frederico Pereira e criou um problema sério e de dimensões inimagináveis. As resistências são muitas e os receios de retaliações são bem maiores. Enquanto não são resolvidos os problemas de dentro da caserna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *