A “caça às Bruxas” continua: Sargento Ebnilson é transferido após gravação em reintegração de posse

20141014_093049

Sgt Ebnilson

Continua a caça as bruxas na PM, desta vez a vítima do sistema foi o Jornalista e Blogueiro Sargento Ebnilson. O militar foi transferido após gravação feita com policias militares na reintegração de posse da Vila Luisão no dia 21/10.  O fato aconteceu depois que o almoço faltou para dezenas de policiais militares.

Entenda o caso

O militar estava de serviço na reintegração de posse na Vila Luisão, local onde aconteceu a morte de um manifestante. A população invadiu novamente o terreno privado e uma nova ação foi planejada pela PM. O Sargento fez algumas gravações no local com militares que haviam lhe solicitado, devido o almoço que faltou. No momento apareceu um dos oficias e o palco foi montado. Veja aqui a matéria completa no link ao lado.(Nota do Sargento Ebnilson vítima de constrangimento )

Depois da nota explicativa o militar foi surpreendido hoje(05/11), pela notícia de sua transferência. Como sempre, a corda arrebentou novamente na sua cabeça. O Comandante da PMMA, transferiu o militar por “necessidade e serviço”, conforme Boletim Geral da PM nº 191/2015.

Essa figura da “necessidade de serviço”, é um instrumento que os comandantes utilizam para perseguir os seus subordinados. As movimentações são feitas puramente pela conveniência do comando.

Com essa transferência já a quarta em menos de um mês de liderança vítimas de perseguições pelo Comando militar da PM. Reveja quem já foi transferido.

Soldado Leite: De Timon para Presidente Dutra;

Soldado Diego: De Bacabal para Marajá do Sena;

Sargento Agnaldo: Da Companhia de Guarda do Palácio para USC(Unidade de Segurança Comunitária) do Coroadinho;

Sargento Ebnilson: Da CPTUR para o 8ª BPM

O mais interessante de tudo isso é que o sargento foi transferido justamente para o mesmo Batalhão do Comandante e Sub Comandante da problemática, isto é 8ª BPM no Calhau.

Dessa forma, as perseguições apenas começaram contra o ativista militar, jornalista, blogueiro e sargento Ebnilson. Lamentável esse governo que pregou a mudança para os militares. Abaixo o Boletim Geral da PMMA.

ESTADO DO MARANHÃO
POLÍCIA MILITAR DO MARANHÃO
COMANDO GERAL
São Luís-MA, 27 de outubro de 2015
BOLETIM GERAL N° 191

Transferência por Necessidade do Serviço
(1) PORTARIA Nº 1517/2015-DP/2
(a) O COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA MILITAR DO
MARANHÃO, no uso das atribuições legais, com fundamento no Art. 6º, da Lei nº 4.570, de 14/06/1984 c/c o item 02 do § 1º, do Art. 5º, letra “b” do Art. 12, Art. 17 e Art. 18, da Instrução Provisória nº 001/95, que regula a Movimentação para Oficiais e Praças da PMMA, aprovada pela Portaria nº 002/95-DP/4, de 02 de janeiro de 1995,

Considerando as necessidades de pessoal na Polícia Militar e o seu emprego para o cumprimento da sua missão constitucional de polícia ostensiva na preservação da ordem pública;

Considerando a necessidade de atender aos serviços e assegurar a presença, nas Organizações Policiais Militares (OPM) e nas respectivas frações destacadas, do efetivo necessário à sua eficiência operacional e administrativa;
Considerando a necessidade de possibilitar aos policiais militares o exercício de cargos compatíveis com seu grau hierárquico e a apreciação de seu desempenho, bem como aquisição de experiência em diferentes situações, desenvolvendo assim, suas potencialidades, tendências e capacidades, de forma a permitir maior rendimento pessoal e aumento da eficiência da Polícia Militar,

R E S O L V E

Art. 1º Transferir por necessidade do serviço, o 3º Sargento PM nº 082/01 matrícula nº 136747, EBNILSON COSTA CARVALHO, do CPA/M-1/CPTur Ind
para o CPA/M-1/8º BPM.

Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua assinatura.

DÊ-SE CIÊNCIA. PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE.

Quartel do Comando Geral em São Luís, 16 de outubro de 2015.
Cel QOPM Marco Antonio Alves da Silva – Comandante Geral da PMMA. Nota número: 2526102909 – DP/2.

11 thoughts on “A “caça às Bruxas” continua: Sargento Ebnilson é transferido após gravação em reintegração de posse

  1. Eu só acho que você como policial em serviço, já mais poderia usar meios que não fosse para missao e reclamando porque a comida chegou atrasada?
    Vejo o que quer é ganhar dinheiro com os problemas internos da corporação expondo em seu blog ou em jornais. Inteligência por trás sempre vai existir.

    1. Caro, primeiramente não era vc q estava com fome no local, falar é muito fácil, quero ver se fosse vc, se manteria esse discurso de comando. Outra coisa, com o advento da internet ficará difícil esconder alguma, coisa.

  2. Esses comandos acham que são os donos da corporação, essas perseguições tem de ser banida e penalizar os causadores. Eles tem que entender que independente da hierarquia todos fazem parte da MESMA instituição.
    A PMMA merece respeito!!!

  3. É preciso que o governo tome pé da situação, principalmente dessas ultimas promoções que foi uma verdadeira falta de respeito com os praças antigos, onde vimos muitos recrutas passando a frente dos antigos, para que essa proxima promoção de Dezembro não se torne ainda mais vergonhoso para nós antigos, pedimos que essa comissão tome afrente e não deixe acontecer esta falta de respeito para com nós ( antigo ) contamos com todos vocês, (representantes) e é claro com Deus na frente, Amém.

  4. Quer dizer que ele te transfere justamente para o batalhão onde o comandante é o mesmo do desentendimento, justamente para você ser perseguido. Ainda tem coragem de dizer que é por necessidade de serviço.

  5. esse tal de FASCA, deve ser o próprio comandante se fazendo passar por outra pessoa ou algum babão tentando fazer discórdia, intriga, porque um soldado ou um graduado não falar essas asneiras ainda mais se tivesse lá com fome como estava o sgt. Ebnilson e os outros colegas.

  6. caro sgt o que vc ja vem mostrando para os praças da pmma nunca vai dá em nada, só vai sobrar pra vc, tai a eleição passada se vc tivesse se candidatado seria melhor para a pm, ao invés desse deputado cabo campos, é aliado do governador e aí banana pra pm sucesso na sua caminhada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *