Policiais Civis continuam em GREVE GERAL de 100%, SINPOL convoca Assembleia na Secretaria de Segurança Pública-SSP

IMG_0942

Os policiais civis em GREVE GERAL de 100% desde a última sexta-feira 18/09, estiveram reunidos em Assembleia Geral da categoria, às 10h, desta terça-feira 22/09, na porta do Plantão Central do Bom Menino. Em maioria, a Assembleia que contou com a participação de 225 policiais deliberou pela continuidade do movimento por tempo indeterminados e 100% das atividades dos policiais civis paralisadas.

A reunião de ontem com o Executivo contou com a participação da diretoria do SINPOL, o deputado estadual Junior Verde (PRB), o Secretário de Articulação Política Márcio Jerry, o Secretário de Segurança Pública Jeferson Portela, o Assessor Especial da Secretária de Gestão de Previdência-Segep Anderson Lindoso e o Delegado Augusto Barros.

20150922144835

Na reunião o governo do Estado não apresentou nenhuma proposta condizente para a categoria. E solicitou apenas o encerramento do movimento alegando a perda do julgamento do pagamento dos retroativos da GNT em forma de precatórios, na última sexta-feira 18/09, por decisão do Tribunal de Justiça (TJMA).

“Apenas alegaram que poderiam estudar a apresentação de uma tabela para 2016 baseada no pagamento dos retroativos, de acordo com a decisão do Tribunal de Justiça que determinou o pagamento dos retroativos da GNT em folha, e não através de precatórios como era a vontade do Executivo. Mas que fosse encerrada a greve para a continuação do diálogo para a elaboração dessas tabelas. Só que essa pauta não foi aprovada pela categoria”, explicou o Presidente do SINPOL, Heleudo Moreira.

Assembleia Geral na Secretaria de Segurança Pública-SSP

Amanhã os policiais civis realizarão a Assembleia Geral a partir das 09h, na Secretaria de Segurança Pública-SSP, no bairro da Vila Palmeira em São Luís.

Pagamento dos Retroativos da GNT

Na última sexta-feira 18/09, saiu a decisão do agravo impetrado pelo Governo do Estado no Tribunal de Justiça que pedia o pagamento da Gratificação de Natureza Técnica-GNT em forma de precatórios. O agravo do Governo foi improvido pelo TJMA mantendo o pagamento da GNT em folha suplementar.

A decisão do TJMA é favorável aos policiais civis apesar de ainda caber recurso do governo.

Fonte: http://sinpolma.org.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *