Fim do sonho: Servidores públicos perdem ação dos 21,7% no TJ-MA

Fim-de-jogo-piccsy

TJ dá provimento à ação do Governo e retira reajuste de 21,7% de servidores

O Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) deu provimento à Ação Rescisória 36.586/2014, ajuizada pela Procuradoria Geral do Estado contra a incorporação do índice dos 21,7% aos vencimentos dos servidores do Poder Judiciário do Maranhão, representados pelo Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Maranhão (SINDJUS-MA).

Os desembargadores votaram por 6 a 1 contra a incorporação do índice de 21,7% nos vencimentos dos servidores do Tribunal de Justiça, contra o voto do desembargador Relator Marcelino Ewerton, e apesar do parecer favorável do Ministério Público. A retirada do índice do contracheque não é imediata. Depende ainda da execução do acórdão vencedor pela Procuradoria Geral do Estado, depois de sua publicação.

A Assessoria Jurídica do Sindijus aguarda agora a publicação do acórdão vencedor, que será redigido pelo desembargador Revisor Jamil Gedeon Neto, com o intuito de recorrer da decisão ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), visando obter o imediato efeito suspensivo da decisão e impedir assim qualquer lesão de direito dos servidores do Judiciário.

Fonte: http://www.blogdojorgearagao.com.br

17 thoughts on “Fim do sonho: Servidores públicos perdem ação dos 21,7% no TJ-MA

  1. É COMPANHEIRO, ELE FEZ DO MESMO JEITO QUE O FINADO JACKSON LAGO FEZ, TRAIU O SERVIDOR PÚBLICO, PORÉM NÓS SABEMOS O QUE ACONTECEU POLITICAMENTE DO O EX-GOVERNADOR, PERDEU AS ELEIÇÕES PARA ROSEANA, AQUI NA ILHA EM 2010 ELA OBTEVE 215.791 CONTRA 77.108 VOTOS DE JACKSON, ELE VAI VIR PEDIR VOTO PARA O CANDIDATO DELE!!!!!!!

  2. Mais não era esse governo que vc e seus companheiros queriam Ebnilson? Não é esse o Governo Humano? Aí é só o começo, como diz aquele velho ditado, nada é tão ruim que não possa ser piorado.

    1. Até parece que com Rosengana esse rejuste sairia…kkkk Até parece que ela não faria pressão/Lobby junto aos desembargadores… Faz-me rir…kkkkkkk

  3. Esse é o governador que veio para salvar o Maranhão? Kd o hospital do servidor que esse governo farsante prometeu devolver ao servidor? Agora nos tira o que conseguimos durantes longas batalhas. Vamos dar a resposta nas urnas em 2018. Flávio Dino nunca mais

  4. Nós maranhense estávamos desesperados com o império corrupto e infindável dos sarneys aí esse moço aproveitou-se disso pra se dá bem. Usou o discurso da mudança pra enganar seu real interesse próprio.

  5. Flávio Dino nunca me ludibriou. José Sarney, nos anos 1966, surgiu como um libertador do Maranhão das garras da oligarquia vitorinista (de Vitorino Freire). Leiam o livro de Benedito Buzar: O Vitorinismo. Mas uma nova oligarquia foi criada e mantida por quase 40 anos. Assim foi Jackson Lago e, agora, Flávio Dino!
    Qualquer um que estivesse no governo do Maranhão estaria entrando com uma ação contra os 21,7% de aumento (ou reajuste?) dos servidores públicos estaduais. Qualquer administrador de município, qualquer governador de estado e qualquer presidente da República do Brasil não dará aumento ou reajuste sem embates. O contrário é ilusão!
    Flávio Dino é uma continuação da oligarquia Sarney, a meu ver. Na frente do povo há um cenário onde os atores políticos travam batalhas épicas; porém, por trás das cortinas do teatro político há conchavos partidários que no fundo defendem interesses de grupos de grandes empresários e grandes comerciantes, os quais têm sobrenomes árabes e judeus que são proprietários de grandes imóveis, bem localizados em áreas nobres já construídos e livres (ainda não construídos). Além disso, como foi dito antes, também mantêm políticos que na verdade defendem os interesses desse seleto grupo, que, como morcegos-vampiro, sugam o sangue do povo até à sua anemia econômica aguda!
    Vejam os sobrenomes que detêm o poder político, judiciário e empresarial. Vejam quais os grupos que a família Sarney defende!

  6. Essa perda dos 27% o deputado Cabo Campos nem se manifestou.
    A imoralidade está iminente!
    Ele quer brigar contra o Uber!
    Achou​ que é ele quem se perdeu!
    Outras eleições virão.

  7. Uma observação: Quando fiz referência aos descendentes de árabes, libaneses e judeus proprietários dos principais imóveis – construídos e áreas livres – em localizações nobres da cidade, falo da cidade de São Luís-MA. Além disso, aqui em São Luís há os sobrenomes de origem árabe, libanesa e judaica que estão na área médica e jurídica. São os que estudaram nas melhores escolas privadas e hoje estudam nas duas unidades públicas e nas grandes faculdades particulares. Enquanto isso, criança do povão estuda em escolas públicas caindo aos pedaços e ainda sofrem com o desvio de verbas da merenda escolar! Está bom ou querem mais?
    Ainda está para nascer o ser humano que de fato entrará para a política e será aquele que não desviará verbas, não permitirá superfaturamento das despesas com infraestruturas e não fará conchavos com donos de construtoras.
    Talvez, no mundo da utopia!

  8. CORREÇÃO:

    “…nas duas universidades públicas…”

    “[…] Enquanto isso, crianças do povão estudam em escolas públicas caindo aos pedaços, e ainda sofrem com…”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *