Deputado Sousa Neto cobra de Flávio Dino cumprimento de acordo com PMs…

Sousa Neto exibe documentos com compromissos de Dino

Sousa Neto exibe documentos com compromissos de Dino

Do blog do Marco Deça

O deputado Sousa Neto (PTN) cobrou nesta terça-feira (14), na tribuna da Assembleia Legislativa, o encaminhamento, pelo governador, de um projeto nos moldes da PEC-300, em tramitação na Câmara dos Deputados, que que pretende igualar os salários dos policiais militares em todos os estados, tendo por base o valor que atualmente é pago no Distrito Federal, na faixa de R$ 4,5 mil.

O encaminhamento de um projeto deste tipo foi promessa de campanha de Flávio Dino.

Sousa Neto leu inclusive trechos de uma reunião realizada com a presença de policiais militares e bombeiros no ano passado, em Brasília, quando o então candidato ao Governo do Estado prometeu que assim que eleito fosse, enviaria para a Assembleia Legislativa a PEC para aprovação

Se até lá a gente não construir – primeiro, a gente precisa ganhar claro – em a gente ganhando, se até lá vocês não acharem uma saída nacional, a gente constrói uma lá na Assembleia, nada impede
Promessa de Flávio Dino feita aos policiais durante a campanha eleitoral

Ainda durante o discurso, Sousa Neto ressaltou que os policiais votaram acreditando na promessa de melhorias salariais e que apesar da recente promoção ter saído para alguns, ainda faltavam compromissos firmados em campanha que precisam ser cumpridos como o Termo de Compromisso assinado para modificar a Lei de Organização Básica de forma a garantir que os soldados da Policia Militar possam ascender na carreira até o posto de coronel e principalmente a ida da PEC-300 para votação na Assembleia Legislativa.

– Senhor governador, traga esse Projeto de Emenda Constitucional para cá, para esta Assembleia. Caso vossa excelência não mande, amanhã, darei entrada a essa Proposta de Emenda à Constituição Estadual do Maranhão – concluiu.

Fonte: http://www.marcoaureliodeca.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *